MUNDO ANIMAL

MUNDO ANIMAL

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

DEFICIÊNCIAS E CARACTERÍSTICAS DA RAÇA LHASA APSO




Fora da China, foi primeiramente visto no Japão, iniciando sua expansão quatro séculos mais tarde, ao chegar à Inglaterra. Os Lhasa Apsos costumam ter uma saúde muito boa, no entanto, em alguns casos, os cães da raça podem sofrer de problemas na coxas, problemas renais, problemas de visão ou úlceras. 
Lhasa Apso é embora seja inteligente e obediente, ele gosta de fazer as coisas do próprio modo. Observando Lhasa e as características do Tibete, a gente entende que apesar de ser um cão bonito, Lhasa foi desenvolvido muito mais para se adaptar bem a sua região do que pela sua beleza. Algumas doenças genéticas são conhecidas em Lhasa Apso como atrofia progressiva da retina que em casos severos e prolongados pode levar a cegueira, assim como a problemas renais familiar que pode levar a doenças degenerativas renais precocemente. Bom filhote deve apresentar desde cedo parte das características de personalidade do cão adulto. Segundo padrão oficial, Lhasa pode ter uma grande variedade de cores (dourado, areia, mel, mesclado escuro, cinza escuro, ardósia, malhado, esfumado, particolor,preto, branco, marrom e castanho). 
É muito desconfiado e reservado, porém extremamente inteligente, calmo, brincalhão e alegre. Se você está procurando uma raça 100% adequada a crianças, Lhasa provavelmente não é a melhor opção. 




Mas a faixa de pêlos brancos na testa e branco na extremidade da cauda são altamente avaliadas nos multicolores. Bastante confundido com os cães da raça Shih Tzu, os Lhasa Apso têm a pelagem branca como a mais comum, sendo que variações de cor também podem ocorrer, misturando a parte alva com tons de dourado, preto, cinza e vermelho. Poucos filhotes são mais adoráveis do que de cachorro Lhasa apso, com seus olhos brilhantes e pelagem macia. Acaricie- muito nos primeiros banhos e passe pra ele como é bom estar limpinho e de banho tomado.tenha certeza lhasa entenderá isto. Criado por centenas de anos para ser um cão-de-guarda real, Lhasa moderno leva a vida da mesma forma que seus antepassados faziam: ele é um guardião leal da casa e da família. Lhasa Apso teve sua origem no antigo Tibet, muitos acreditam que essa raça tenha surgido após cruzamento do Terrier do Tibet e Spaniel Tibetiano.




Algumas raças costumam sofrer e até chorar quando seu dono sai para trabalhar, Lhasa Apso não é desse jeito. A pelagem dos cachorros de raça Lhasa Apso deve ser longa e áspera, sem ser sedosa. A cauda do Lhasa Apso também é provida de franjas abundantes e é levada acima da garupa. 
A propósito, as fêmeas de Lhasa tendem a ser mais mandonas” do que os machos da raça. Não existem variações de tamanho, porém existem variações de cor de pelagem além do tradicional bege, marrom e preto. 
Lhasa é considerado um excelente cão de companhia, é equilibrado, com caráter alegre, muito seguro e desconfiado com estranhos. 
Que mais se destaca dessa raça é a sua pelagem, os Lhasa Apsos são compostos de fios longos, pesados, retos , sendo que, além disso, conta com uma outra camada de fios de tamanho médio. 
Lhasa Apso geralmente ficam bem tranquilos em domicílios onde eles são deixados sozinhos enquanto os donos vão trabalhar. Enquanto os grandes mastins tibetanos guardavam as entradas dos mosteiros, Lhasa Apso era cão responsável por alertar ao menor sinal de movimentação externa, auxiliado por sua notável audição e latido agudo, servindo aos moradores como um excepcional cão de alarme.